sábado, 28 de julho de 2007

Diamante interior


Eu queria poder recompensar cada ato de bondade que recebo.
Ontem eu peguei aquele ônibus. Toda vez que entro nele, não posso deixar de me lembrar do que aconteceu quando o tomei a primeira vez.

No dia em que peguei aquela linha de ônibus para voltar para casa, me informei com o motorista, um homem muito loiro com feições gentis, sobre o caminho e se a linha passava perto de minha casa, e assim subi. Passeei pelos bairros, fui e voltei até que comecei a reconhecer o caminho: eu estava chegando. Mas me precipitei. Achei que eu tinha entendido mal a informação e desci num ponto muito antes do meu, longe de minha casa. Quando eu chegava na porta apressada para descer, ouvi alguém me chamar, mas fiquei incerta. Depois, quando desci e fui andando, o motorista ainda me olhou e perguntou lá de seu banco: "É aí mesmo que você quer descer?" Ainda mais confusa, assenti e fui andando para casa.
Depois o ônibus passou por mim e eu constatei meu erro. E me lembrei do rosto do motorista, ao confirmar comigo. Mesmo diante de um erro meu eu sneti que ele era capaz de me deixar subir de novo no ônibus para ir até o ponto certo. Ele prestou atenção em mim, teve interesse... quantas vezes isso acontece nesse mundo agitado e frio em que vivemos?
Por esse pequeno episódio, entendi
que a bondade está por aí, embora muitos preguem que ela não existe mais. Concordo que seja rara e faltante em nossa sociedade, porém eu a posso ver em muitos lugares. Se manifesta timidamente. É um brilhozinho súbito que chama minha atenção.
E antes de tudo, ela existe em mim. Em qualquer coisa me esforço em demonstrar bondade e todas as acompanhantes dela: compreensão, gentileza, paciência, gratidão, respeito, educação... Claro que como os outros 6 bilhões de pessoas nesta Terra, eu sou imperfeita e às vezes não consigo ser tão bondosa como devia. Assim, sou também humilde e peço desculpas por isso.

A bondade existe. Ela é um diamante interior que brilha só para aqueles que estão dispostos a expô-lo, por que afinal, todo o diamante é único e raro e alguns são egoístas a ponto de esquecê-lo dentro de si, deixando de exibir seu cintilo encantador. Também, este só pode ser apreciado pelos atentos. Desejo a todos que nunca deixemos de estar entre estes.
Porque eu vejo o rutilar da bondade todo o dia. Desde a hora que eu acordo até a hora de dormir. a admiro por observar a forte presença dela em minha família, estes sendo os que mais a demonstram para mim desde que nasci.
Não é justo eu ignorar a existência desse cintilo. Não podemos permitir que a bondade concedida a nós seja ignorada. É uma coisa preciosa demais para ser descartada. Não é certo ser mau-agradecido diante da imerecida bondade de Deus por vivermos mais um dia.
Mas eu fico tão contente por tudo e meu desejo é de sempre ser capaz de retribuir o mínimo gesto, mesmo que proceda de um estranho. Queria ter meios materiais de presentear todos meus parentes e todos meus amigos que estão sempre comigo, me ouvindo, me aturando, não importa se eu os conheci ontem ou há dez anos. Tantas pessoas me sorriem todo dia, eu queria ser capaz de mostrar o quanto eu aprecio sinceramente cada sorriso e que presto atenção à cada gesto de gentileza demonstrado.
Então concluo que a única solução para essa minha ânsia de retribuir e valorizar é me esforçar em devolver a mesma bondade que me é cedida. Afinal, a Regra Áurea ditada por Cristo está aí ressoando sua verdade:
"Tudo que quiser que façam a você, faça primeiro a eles". Se todos cumprirmos essa simples e única regra, a bondade continuará vivendo. E isso com certeza fará bem a todos nós. Não vamos mudar o mundo, não, melhor ainda: vamos mudar nosso modo de viver.
A única culpa que eu quero ter é a de ostentar esse lindo diamante.
--
Texto do dia:
"Mantende estrita vigilância... por que os dias são iníquos" Efésios 5:15;16
--
Essa é a sétima postagem do meu blog!
Muito obrigada a todos que vem comentando e participando e vivendo junto comigo as matérias-primas e inspirações dos meus post!
Espero continuar a poder contar com todos vocês!
Love you all! <3

3 comentários:

Rodney Hanter Porlok disse...

Por favor! Me faça saber o que você achou do post! Sua opinião me é muito querida! Deixe um comentário para mim! :) Obrigada!

¿¿¿O que ser isso???

Enfim... pelo menos mudou um pouquinho no começo sua forma narrativa... relatando um evento, o que deixou o texto menos cansativo e filosófico.
Sobre o texto, não se você já percebeu uma verdade triste da coisa: Todo mundo pensa assim. Ninguém quer ser mal, e todos tem um pensamento bom sobre algo, mais isso não faz com o que mundo seja melhor, ou que as nossas atitudes sejam corretas. Não adiante esperar que um dia isso funcione, porque já existe e está quebrado. E, além disso, a verdade mais real é que todo tipo de bondade é feito para beneficio próprio. Ninguém faz nada se não for para satisfazer suas próprias vontades. Se alguém é bondoso com você, é para que essa pessoas fique com a consciência tranqüilo sobre pelo menos algo em sua vida, não significa que ela seja mesmo boa. Um ladrão pode roubar várias pessoas e num dia de sol alegre pode alertar uma velhinha que sua carteira caiu. Lembre-se, TUDO é relativo. ^^
Todos são bondosos, basta saber qual deles é o que menos tem o lado maldoso, e o que mais vai com a sua cara. ^^
É isso que procuramos no dia-a-dia, e que acreditamos ser o 'algo bom' na humanidade, alguém que simplesmente acha que hoje é o dia de fazer uma boa ação, e ele escolhe você. E francamente, quase todos os dias uma pessoa faz uma boa ação, nem que seja um sorriso ou um gesto, e ainda sim, encontramos uma dessas com muita dificuldade. De tantas pessoas que nos cruzamos no dia-a-dia, e mesmo assim, é difícil ser sorteado pelo 'bom samaritano' do dia. O que mostra que de fato, com ou sem bondade, continuamos sem interação nenhuma com o mundo exterior, e não importa o quanto façamos boas ações, isso não irá se refletir em quem não tem reflexo.
Além do mais, como já disse, TUDO é relativo, pegando seu exemplo, do motorista, uma boa ação, sim, para você, mais e aquele cara que estava voltando pra casa e ainda tinha que pegar um outro onibus e estava atrasado e que por sua causa de ficar parando em ponto errado perdeu a hora e teve que se ferrar? A boa ação dele não foi tão boa assim não é? Entende que o que é bom para você nem sempre é bom para os outros, o significado de bom e mal é simplesmente nulo, criamos isso para diferenciar o que achamos ser bonitinho do que achamos ser feio.
MAAAASSSS... veja pelo lado bom...
Você não escreveu sobre a Anime Friends....
PORÉÉÉMM... veja pelo lado ruim, você não respondeu meu scrap, minha msg off do msn, e nem comentou no meu blog...
¬¬³
I can survive... ok...
O que importa mesmo é que o Uruguai ganhou no basquete numa final valendo bronze emocionante ^^
Apesar do anti-esportismo da Argentina ¬¬
Enfim, para mais noticias do Pan entre no site e não perca a nova promoção =P...
Flw é isso até mais fui byebye Asta La Vista, Au Revouir, See yaa, good night and good luck, may the force be with you and so long and thanks for all the fish...

Kyamel disse...

ara
rsrsrrsss..........
Puxa Nique, é muito bom saber que vc tbm percebe esses pequenos sinais que tantos ousam nem notar!!!
Isso é tão importante!!!!
Quantas vezes as pessoas ficam admiradas só porque lhe damos um soriso, um Bom Dia, um muito obrigada!!!!!
Isso deveria ser regra básica de sobrevivencia neste munto gelado e mal humorados a que somos submetidos!!!!
E quem nota, este pequeno mas singelo brilho de bondade que eu costumo chamar de generosidade deve ser parabenizado!!!!
Então Parabéns....
E continue contando com os meus humildes, porem sinceros comentários....amo o seu blog!!!!
Bjinhos da Mel...........

Chris disse...

Ahh, que texto legal... tão bonitinho, sei lá... >u<
Mas antes de falar dele: 7 posts, parabéns! Se colocasse um por dia, teria uma semana já, olha! xDD (Isso não é ironia, caso você pense o contrário~ >w< )
Que perigo, descer no ponto errado! Tome mais cuidado da próxima vez, Moni-chan! >u< *eu sei que isso é a última coisa que importa dentro da história e tal, mas vale lembrar... >u<*
Ah, eu tô estragando o comentário... vou parar antes que te deixe brava de verdade dessa vez. xDD
Té mais! ^.^/

Reader